E como começar a se preparar?

Mas quando a gente consegue perceber e estruturar, parece que alinha e acelera o processo de transformação. Isso não tem a ver com o tempo e a qualidade, somente. Tem a ver com a consciência! Tem a ver com a presença! Para começar a ter mais consciência das mudanças, do meu papel neste mundo, e criar mais alegria e prosperidade, foi fundamental me centrar. Eu nunca me imaginei meditando. Sempre fui ativa demais para me sentar por uma hora de olhos fechados. Então fui buscando formas de estar mais conectada com a minha verdade, ambientes que me deixavam sentir a plenitude, comidas que me deixavam mais leve. Fui buscando rever à minha maneira de me expressar, e o que eu comunico. Fui me abrindo a perceber quem estava caminhando ao meu lado… Fui vendo, em tudo isso, os meus medos e apegos, a relação com o dinheiro, o status, o sucesso… Agora vou abrindo um mapa. Deste tudo o que é, que me torno a cada dia. Ofertando as dicas, as pontes, as pedras que usei para atravessar os rios que encontrei.

E como começar a se preparar?

Mas quando a gente consegue perceber e estruturar, parece que alinha e acelera o processo de transformação. Isso não tem a ver com o tempo

Comments are closed.